Data: 02/03/2022 Tempo: 08min de leitura Categoria: Atualidade Visualizações: 113 visualizações
Por: Jessica Arruda Krieger

Com a pandemia, uma tendência ganhou ainda mais espaço na gastronomia: a comida afetiva, também conhecida como Comfort Food, invadiu a cozinha com receitas que remetem a boas lembranças. Assim, neste cardápio, entram ingredientes que proporcionam aquela sensação de conforto, aconchego e até simplicidade. 

Mingau, frango assado, sopas quentinhas, bolinho de chuva e muito mais: então, a comida afetiva traz alimentos reconfortantes, com pratos que transportam para outros momentos da vida. Um almoço em família, um jantar especial a dois e até as delícias da cozinha da vovó. 

Comida afetiva: o que é?

Dessa forma, para Felipe Martins, analista educacional de turismo, hospitalidade e lazer do Senac SC, a comida afetiva está em receitas nostálgicas que mexem com a memória, usando todos os sentidos como meio de alcançar (e ativar) aquela recordação feliz da infância. 

Certamente, é uma tendência que segue na contramão da industrialização dos alimentos e comidas processadas. Afinal, esse movimento surgiu como um alento para quem ainda busca cultivar suas origens ao degustar uma receita cheia de afeto.

“Você não degusta apenas o prato, mas a experiência ofertada ali. Essa cozinha valoriza não apenas o processo artesanal de preparação, como também a identidade cultural e memórias afetivas ligadas ao prato que está sendo servido”, explica.

Comida afetiva como tendência gastronômica

Aliás, com o aumento da procura pela comida afetiva, o mercado teve que se adaptar. Inegavelmente, os clientes estão mais satisfeitos com molhos prontos e produtos processados que vêm dentro de uma lata. Desse modo, o consumidor busca provar aquele prato que faz lembrar o tempero usado pela mãe ou avô ou remete aos almoços felizes de domingo. 

“O restaurante que opta por fazer uma lasanha de forma tradicional, por exemplo, evitando molho pronto e deixando o molho cozinhar por três horas, sabe que pode cobrar mais caro pelo produto final. Isso porque o cliente está disposto a pagar mais, não apenas para degustar de uma boa lasanha, mas para embarcar nas lembranças”, analisa o especialista do Senac SC.     

Receitas de Comfort Food

Sopa de macarrão com feijão

Assim, a chef e professora Maria Garcia, da Faculdade Senac Florianópolis, conta que esta receita faz lembrar da família e da comida que o pai fazia quando ela e os irmãos eram crianças. 

“Meu pai aproveitava um caldo que sobrava do cozido do almoço e colocava os legumes que tinha em casa, macarrão, feijão e, claro, mais água. Desse modo, hoje, uma comida com caldo me faz relaxar, me reconforta, me leva direto para roça, para a comida do meu pai, é um aconchego no coração”, conta.

Sopa reconfortante de macarrão com feijão – Crédito: iSotck
  • Ingredientes: 
  • 2l de caldo de carne
  • 200g de feijão fradinho ou de sua preferência            
  • 200g de cenoura
  • 250 de macarrão espaguete 
  • 200g de abóbora   
  • 1 maço de couve mineira    
  • 5g de sal 
  • 2g de pimenta do reino moída          
  • 20ml de óleo ou azeite          
  • ¼ de cada cheiro verde (cebolinha, coentro, salsinha)     

Modo de preparo: 

  1. Primeiramente, em uma tigela coloque o feijão, cubra com água morna e deixe hidratar por 40 minutos;
  2. Corte a cenoura e a abóbora em cubos médios e a couve em chiffonade (tirinhas), reserve; 
  3. Leve uma panela média para o fogo (aproximadamente 5 litros), coloque o óleo, junte os legumes e refogue até suar, cubra com o caldo e acrescente o feijão já escorrido;
  4. Deixe cozinhar em fogo baixo até o feijão ficar macio. Logo depois, quebre o macarrão em pedaços pequenos e junte à sopa, tempere com sal e pimenta e cozinhe por mais 10 minutos, mexendo de vez em quando para não grudar no fundo da panela. Nesta etapa a abóbora já se desmanchou um pouco, oferecendo cremosidade a sopa. 
  5. Desligue o fogo e junte o cheiro verde picado. Sirva bem quente.

Rendimento: 6 pessoas 

Bolinho de chuva

Igualmente, quem não se lembra da mãe ou avó fazendo aquele bolinho delicioso nos dias de chuva? Nesse sentido, o chef Juliano da Rosa, professor da Faculdade Senac Concórdia, nunca esqueceu. “Melhor lembrança impossível, na forma da simplicidade de um alimento cheio de afeto”, lembra. 

Comida afetiva: bolinho de chuva para aquecer o coração – Crédito: iStock
  • Ingredientes:
  • 2 ovos
  • ¾ de xícara (chá) de açúcar
  • 2 colheres (sopa) de manteiga
  • ½ colher (chá) de sal
  • 1 colher (sopa) de fermento em pó
  • 1 xícara (chá) de leite
  • 2 xícaras (chá) de farinha de trigo
  • Raspas de limão a gosto
  • Essência de baunilha a gosto
  • Óleo para fritar
  • Açúcar e canela em pó para polvilhar

Modo de preparo:

  1. Primeiramente, bata os ovos com o açúcar, sal e acrescente a manteiga derretida; 
  2. Em segundo lugar, coloque alternadamente o leite e a farinha de trigo;
  3. Coloque a essência de baunilha, raspas do limão e o fermento;
  4. Em seguida, mexa para deixar a mistura bem homogênea;
  5. Esquente o óleo e frite os bolinhos em fogo médio.
  6. Depois de dourado, colocar em papel toalha para tirar excesso de gordura e logo passar no açúcar e canela
  7. Servir em seguida.

Rendimento: 50 unidades

Lasanha à Bolonhesa

Já a chef Cristiane Benedet de Menezes, professora da Faculdade Senac Criciúma, recorda que cresceu em uma família onde reinavam os alimentos processados. Mesmo assim, adorava provar coisas diferentes e receitas novas (até salada!). E, desse modo, começou sua trajetória na cozinha ainda criança, em torno dos 6 anos. 

“Essa receita de lasanha me emociona porque lembro da mesa reunida de pessoas com expectativas de provar a minha comida. Empolgadas e cheias de fome!”, recorda. 

Lasanha que remete aos bons momentos com a família e amigos – Crédito: iStock
  • Ingredientes:

Para a massa

  • 400g de farinha de trigo
  • 4 ovos
  • 1 pitada de sal
  • 3 colheres de sopa de azeite de oliva.

Para o molho à Bolonhesa:

  • 500g de patinho moído
  • ½ xícara (chá) de cebola picada
  • 1 xícara (chá) de manjericão fresco
  • 1 xícara (chá) de cenoura ralada
  • 1 lata de tomate pelado (com o líquido)
  • 1 colher (sopa) de óleo
  • 3 colheres (sopa) de manteiga
  • 100g de bacon picado
  • Noz-moscada ralada na hora a gosto
  • Sal e pimenta-do-reino moída na hora a gosto

Para o molho branco (Bechamel):

  • 1l  de leite
  • 3 colheres (sopa) de manteiga
  • 3 colheres (sopa) de farinha de trigo
  • 1 pitada de noz-moscada ralada na hora
  • Sal e pimenta-do-reino moída na hora a gosto

Modo de preparo:

Massa:

  1. Em primeiro lugar, coloque a farinha de trigo em uma tigela e abra um buraquinho no centro;
  2. Em seguida, quebre no buraquinho os ovos e adicione o sal;
  3. Misture com a ponta dos dedos e amasse até incorporar toda a farinha;
  4. Passe a massa para uma superfície enfarinhada e trabalhe-a energicamente com as mãos por uns 10 minutos, até deixá-la lisa e elástica;
  5. Molde uma bola, cubra e deixe descansar por uns 30 minutos;
  6. Divida a massa em 2 ou 3 partes e abra-as, usando o rolo ou cilindro, até deixá-las com 2 mm de espessura;
  7. Recorte-as em tiras e em seguida, corte-as em retângulos de cerca de 7×14 cm;
  8. Cozinhe as tiras, aos poucos, em água fervente salgada, por uns 2 minutos;
  9. Retire-as com uma escumadeira e coloque para escorrer sobre um guardanapo de tecido limpo;
  10. Posteriormente, monte a lasanha.

Molho à Bolonhesa:

  1. Primeiramente, em uma panela média, coloque o óleo, a manteiga e leve ao fogo médio. Em seguida, quando a manteiga derreter, adicione a cebola e refogue, mexendo sempre, até ficar transparente. Junte a cenoura, e refogue por 2 minutos, mexendo sem parar;
  2. Acrescente o bacon, quando quase crocantes adicione a carne moída e misture com um garfo. Tempere com sal e pimenta-do-reino e refogue até que a carne perca a cor rosada;
  3. Junte a água, tempere com noz-moscada ralada na hora a gosto, e mexa até que evapore completamente;
  4. Baixe o fogo, junte os tomates pelados (com o líquido da lata) deixe cozinhar por 3 horas, com a panela tampada, mexendo de vez em quando. Então, o fogo deve o mais baixo possível. A medida que for secando, adicione um pouquinho de água fervente, quando pronto adicione as folhas de manjericão frescas; 

Molho Bechamel 

  1. Antes de mais nada, em uma panela média, coloque a manteiga e leve ao fogo baixo. Quando derreter, acrescente a farinha de trigo e mexa por 2 minutos, ou até a farinha ficar cozida; 
  2. Retire a panela do fogo e, sem parar de mexer, acrescente metade do leite. Mexa vigorosamente e, de preferência, com um batedor de arame para desmanchar os grumos de farinha. Volte a panela ao fogo médio, junte o restante do leite e continue mexendo até ferver;
  3. Quando começar a ferver, abaixe o fogo e tempere com sal, pimenta-do-reino e noz-moscada. Deixe cozinhar por cerca de 10 minutos mexendo de vez em quando até o molho engrossar levemente (ele deve ficar ainda líquido pois irá hidratar a massa e engrossar durante o cozimento no forno).

Para a montagem:

  1. Numa travessa refratária, coloque um pouco de molho branco no fundo e, em seguida, uma camada de molho à bolonhesa. Sobre os molhos, coloque uma camada de massa (cozida em agua fervente) cobrindo todo o fundo da travessa; 
  2. Sobre a primeira camada de massa, espalhe um pouco do molho à bolonhesa. Por cima do molho à bolonhesa, regue com um pouco do molho branco. Cubra com mais uma camada de massa e repita o processo, até finalizar com uma camada de molho à bolonhesa e molho branco; 
  3. Posteriormente, adicione o queijo parmesão ralado e leve ao forno preaquecido para assar por cerca de 15 minutos ou até gratinar. Sirva a seguir.

Rendimento: 8 pessoas.

Gostou da matéria? Conte pra gente, qual é a sua comida afetiva favorita? Lembrando que as inscrições estão abertas para a graduação em Gastronomia do Senac SC. Mais informações aqui.

Fonte: Blog do Senac SC
Por Jessica Arruda Krieger
Analista de Comunicação Digital 
jessica.krieger@sc.senac.br

Também pode
te interessar:

Feira do Mel de Santa Catarina terá vendas online e no centro de Florianópolis
Data: 11/05/2022 Tempo: 09min Categoria: Cadeia Produtiva

Feira do Mel de Santa Catarina terá vendas online e no centro de Florianópolis

O Largo da Alfândega, em Florianópolis, vai receber 19 produtores de mel de todo o estado de Santa Catarina de 11 a 14

Inscrições abertas para Concurso Gastronômico Enchefs SC 2022
Data: 09/05/2022 Tempo: 03min Categoria: Gastronomia

Inscrições abertas para Concurso Gastronômico Enchefs SC 2022

Santa Catarina realizará, pela segunda vez, a etapa estadual do Festival Enchefs, evento que indica representantes para

Publicação reúne receitas novas e tradicionais tendo o butiá como protagonista
Data: 02/05/2022 Tempo: 02min Categoria: Cadeia Produtiva

Publicação reúne receitas novas e tradicionais tendo o butiá como protagonista

O livro “Butiá para todos os gostos”, publicado pela Embrapa Clima Temperado, reúne 141 receitas tendo o butiá