Data: 03/06/2019 Tempo: 02min de leitura Categoria: Cidade Criativa Visualizações: 95 visualizações
Por: Observatório da Gastronomia

A convite do governo da Província de Jiangsu, dois representantes de Florianópolis participaram da segunda edição da China (Huai’an) International Food Expo, evento gastronômico que aconteceu de 9 a 12 de maio na cidade de Huai’an.

“O objetivo principal foi realizar um intercâmbio com Florianópolis em relação à nossa experiência prévia com o programa Cidade Criativa Unesco”, diz o superintendente de Ciência, Tecnologia e Inovação da prefeitura de Florianópolis, Marcus Rocha, que participou do evento ao lado do presidente da Associação Catarinense dos Produtores de Cachaça e Aguardente de Qualidade, Leandro Batista de Melo Silveira.

“Tivemos a oportunidade de mostrar Florianópolis para o mundo e trazer conhecimento de outros lugares, mais desenvolvidos economicamente para cá”, diz Rocha.A interação ocorreu não só para os governantes de Huai’an, mas também com representantes de pelo menos outras 10 cidades do Japão, Tailândia, Europa e América .

Das experiências que conheceram, Rocha cita como exemplo o trabalho realizado na cidade de Östersund, na Suécia, de desenvolvimento da Aquicultura para o consumo sustentável de peixes. Para ele a maricultura de Florianópolis precisa estar listada como ação do Programa Cidade Criativa. “O mesmo deve acontecer com a pesca artesanal da tainha e o Reóleo porque são ações sustentáveis relacionadas à cadeia produtiva da Gastronomia com impacto direto nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU e estão fora do programa Cidade Criativa em Florianópolis e deveriam estar dentro desse guarda-chuva”, salienta.

Além da China (Huai’an) International Food Expo, Rocha e Silveira participaram do da abertura de uma competição de chefs locais promovido pela Faculdade de Gastronomia e Farmácia da província de Jiangsu, que atende a 10 mil alunos. Eles também acompanharam o International Summit de Cidades Criativas da Gastronomia das cidades da região da Província de Jiangsu, que fazem parte das margens do grande canal, que conecta a capital Pequim à região.

Por fim, os representantes de Florianópolis também estiveram  no evento que debateu a candidatura de Huai’an para ser Cidade Criativa UNESCO da Gastronomia. Foram feitas ainda visitas a projetos importantes na economia criativa promovidas na cidade chinesa, além de uma reunião com Brian Goldstein, representante da  New York State Small Business Development Center (SBDC – Centro de Desenvolvimento de Pequenas Empresas do Estado de Nova York), de Nova York e que faz um trabalho equivalente ao que faz o Sebrae no Brasil.

Sobre o China (Huai’an) International Food Expo

O evento teve 465 expositores, 10.000 participantes técnicos (convidados, compradores e especialistas) e uma média de 150.000 visitantes. Durante a abertura do evento foram assinados contratos de fornecimento de alimentos e tecnologia alimentar de empresas da província de Jiangsu no total de CNY 11,8 bilhões (cerca de 1,8 bilhões de dólares), domésticos e internacionais (com a Comunidade Européia e a SBDC-NY).

Fonte: Associação FloripAmanhã

 

Também pode
te interessar:

Seminário gastronômico abordará ‘Frutas e frutos da terra e de além-mar’ como tema
Data: 28/07/2021 Tempo: 01min Categoria: Evento

Seminário gastronômico abordará ‘Frutas e frutos da terra e de além-mar’ como tema

Realizado pelo Museu da Gastronomia Baiana (MGBA) do Senac Bahia, o Seminário da Gastronomia Baiana chega a sua 15ª

Sistemas alimentares urbanos: desafios e oportunidades
Data: 27/07/2021 Tempo: 03min Categoria: Opinião

Sistemas alimentares urbanos: desafios e oportunidades

Atualmente mais da metade da população mundial vive em áreas urbanas e até 2050 espera-se que essa fatia chegue a 75%

Mel de Melato de Bracatinga recebe Indicação Geográfica
Data: 22/07/2021 Tempo: 07min Categoria: Cadeia Produtiva

Mel de Melato de Bracatinga recebe Indicação Geográfica

Santa Catarina conquistou nesta terça-feira, 20, a Indicação Geográfica (IG) do Mel de Melato da Bracatinga na